26 setembro 2017

[SOGIPA] REVISÃO CINESIOLOGIA

Prezados alunos de Cinesiologia da Faculdade Sogipa

Abaixo deixo um vídeo, o qual reviso alguns conteúdos que são fundamentais para o estudo da nossa prova de amanhã.



Abraços

Emmanuel

22 setembro 2017

[SOGIPA] SIMULADO BIOMECÂNICA

Mensagem aos alunos de Biomecânica da Faculdade Sogipa: 

Boa noite turma
 
espero que todos estejam bem e já estudando para a nossa prova de segunda-feira.
Estou disponibilizando hoje um simulado online que poderá servir como estudo dirigido para vocês. Aqueles que já estão estudando podem testar seus conhecimentos, e aqueles que não começaram ainda, podem aproveitar a deixa. 
 
O simulado está neste link: https://goo.gl/forms/hjDWg3Zsq2lWF0F23
 
Lembrando que não vale nota. É apenas para o estudo de vocês. 
 
Abraços
 
Prof. Emmanuel

30 agosto 2017

MATERIAL DE AULAS PARA ALUNOS DE GRADUAÇÃO

Prezados

agora a página também será de apoio aos meus alunos de graduação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e da Faculdade Sogipa, nas disciplinas de Cinesiologia e Biomecânica.

Para acessar o material você deverá acessar a página menu de navegação acima.

Aproveitem e bons estudos.


15 maio 2016

O HOBBIT - J. R. R. Tolkien

Link para resenha em vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=1C6ViXAXzIA
 
O Hobbit conta a história de uma aventura de Bilbo Bolseiro. 

O Sr. Bolseiro é um pequeno hobbit, que foi criado por Tolkien. Os hobbits por natureza são muito tranquilos e pacíficos, gostam de ficar em sua casa/toca tomando chá e fumando charuto sem grandes preocupações. Têm uma rotina invejável e pontual. E assim também era com o Sr. Bilbo Bolseiro, até o dia que recebeu a visita de um velho mago, conhecido como Gandalff.
O que era para ser apenas uma tarde de chá com o amigo mago virou uma grande reunião festiva com a presença de muitos anões que Bilbo não conhecia - aqui é importante ressaltar que apesar de que anões e hobbits sejam pequenos a principal diferença entre eles é que os anões são muito trabalhadores e adoram aventuras e festas, já os hobbits não gostam de sair de casa, não gostam de aventuras (ou preferem "evitar a fadiga").
 O Sr. Bilbo Bolseiro foi convidado a participar de uma aventura em busca de um tesouro perdido dessesanões, que estava sendo guardado por um terrível dragão. Apesar de não ser algo que chamasse a atenção do Bolseiro ele se juntou aos anões e ao mago nesta grande aventura.
Durante essa viagem  ficamos conhecendo mais dos personagens e de suas personalidades. Durante a aventura o pequeno Hobbit acaba mostrando seu valor aos anões e acaba sendo muito respeitado pelos companheiros de viagem (que no começo ficaram com um pé atrás quando perceberam que na verdade o Sr. Bolseiro não gostava de sair da sua zona de conforto).
 
A estória é muito conhecida e talvez vocês já tenham visto algum filme de adaptação, entretanto eu preciso ressaltar de que este livro e é muito fascinante.  Nessa estória fantástica conhecemos também criaturas como Elfos, Orcs, dragões e outras criaturas fantásticas.A leitura prende e é muito bem escrita.

É um livro 5 estrelas para quem gosta de fantasia, para quem não é acostumado com esse tipo de livro pode ser considerado como 4 estrelas. Particularmente, eu amei. Leitura recomendada.
Minha edição:
O Hobbit - J. R. R. Tolkien 
Capa do Segundo Filme
Preço: R$ 25,10 até R$ 49,90
ISBN-13: 9788578277314
ISBN-10: 8578277317
Ano: 2013 / Páginas: 320
Idioma: português Editora: WMF Martins Fontes

Fotos:

1) A capa é do segundo filme, não é a minha favorita (já que há várias edições de O Hobbit), mas é uma capa que acho bonita.



2) Na contracapa (quarta capa) temos uma pequena sinopse (ao centro); uma citação do The Sunday Times (no topo); Não é uma contracapa que chama a atenção. Simples. 



3) A lombada é bonita. :)


4) Na primeira orelha temos uma mini-bio de J.R.R. Tolkien.

5) Na segunda orelha temos uma foto do autor e suas principais obras.


6) Logo ao abrir o livro temos uma "folha de guarda"  muito bonita. Uma ilustração de mapa utilizando duas páginas. Obs: acho que são originais do autor.



7) A folha de rosto é muito bonita :) É simples mas muito elegante. 




8) Após temos informações de tradução e seus tradutores.




9) Tem uma nota sobre esta edição (importante).



10) Elementos textuais: Inícios de capítulos...

11) Ilustrações coloridas





06 março 2016

CAMINHAR NA ESTEIRA OU AO AR LIVRE? | Café com Ciência #1




Com o envelhecimento da população idosa muitos estudos são desenvolvidos buscando estratégias para manter a qualidade de vida dos idosos. Muito se tem feito com o objetivo focado na manutenção da qualidade de vida para manter a idependência dos idosos preservada, pois sabe-se que a idependência está diretamente relacionada com a qualidade de vida. Entretanto com o envelhecimento muitas alterações sistêmicas levam a um maior risco de quedas em idosos.
Sabemos que o exercício físico praticado de forma crônica tem grandes benefícios para diminuir o risco de quedas em idosos. O principal exercício praticado por idosos é a caminhada, tanto em esteiras (em academias ou em casa) quanto ao ar livres (em parques, por exemplo).
Atualmente um estudo publicado pelo Journal of NeuroEngineering and Rehabilitation sugeriu que a caminhada realizada na esteira tem menor variabilidade, é mais simétrica e mais estável do que a caminhada ao ar livre.

Confira o vídeo para mais detalhes. 


14 dezembro 2015

RESENHA | A METAMORFOSE de Franz Kafka


Título: A Metamorfose
Autor: Franz Kafka
Ano: 2001 / Páginas: 144
Idioma: português
Editora: L&PM

Minha avaliação




O autor

Franz Kafka, para quem não o conhece, nasceu em Praga (República Checa) no dia 3 de julho de 1883. Foi autor de romances e contos, considerado pelos críticos como um dos escritores mais influentes do século XX> A maior parte de sua obra como A Metamorfose (que falarei com vocês hoje), O Processo (que será minha próxima leitura dele) e O Castelo, está repleta de temas como brutalidade física e psicológica, conflito entre pais e filhos (que aliás é muito presente nas obras do autor, tem um livro muito interessante dele que quero muito ler chamado Carta ao Pai), personagens com missões aterrorizantes, labirintos burocráticos e transformações místicas.


Primeiro contato

Meu primeiro contato com as obras de Franz Kafka foi lendo A Metamorfose, um livro rápido, leve, com vocabulário simples, mas que me marcou muito. Demorei muito tempo para digerir, depois de lê-lo fiquei um bom tempo refletindo sobre a estória.


Minha edição

A minha edição de A Metamorfose é esta edição (vide foto) pocket da L&PM que vem seguido de O Veredicto.

Histórico do livro

Em 10 de setembro de 1912, às dez horas da noite, Franz Kafka começou a escrever "O veredicto". Quando terminou, por volta das seis horas da manhã do dia seguinte, totalmente esgotado, apontou em seu diário que havia descoberto “como tudo poderia ser dito”; que inclusive para as ideias mais estranhas havia um grande fogo pronto, no qual elas se consumiam para depois ressuscitarem. Dois meses depois viria "A metamorfose", a mais conhecida, a mais citada, a mais estudada de suas obras. Em 7 de dezembro Kafka escrevia à sua noiva, Felice Bauer: “Minha pequena história está terminada”. A obra era concluída 20 dias depois de ter sido iniciada.

Resenha

O livro começa com a transformação de Gregor Samsa, um caixeiro viajante (aqui faço um parenteses para falar que não tinha ideia do que era um caixeiro viajante, para quem também não faz ideia: um caixeiro-viajante é uma profissão antiga, de uma pessoa que vende produtos - joias, objetos, tecidos…- fora de onde eles são produzidos), em um monstruoso inseto. Reparem que em momento algum do livro o autor faz menção a este inseto, porém descreve detalhadamente o corpo de Gregor metamorfoseado, deixando a critério do leitor imaginar no que Gregor se transformou. 
Muitos consideram como um barata gigante e outros como um besouro (eu particularmente acho que está mais para uma barata devido a forma como ele é tratado no livro após sua metamorfose, com muita repugnancia e nojo, mesmo por sua família).



Família, extamente ai que o livro tem seu foco, na família de Gregor. Gregor era o chefe da casa, ele sustentava seu pai (que já não trabalhava), sua mãe e sua irmã mais nova (conhecida no livro como Grete, a úncia da família com nome, mostrando o quanto ela era querida por Gregor e o quanto era boa a relação deles).

Durante o livro nós acompanhamos a confusão que vira a vida da família após a transformação de Gregor, já que agora ele não poderia mais trabalhar e muito menos conviver na sociedade.
Após a transformação a família acaba julgando-o pela sua transformação, mas em momento algum se perguntam de com poderia possível. Estavam preocupados em como iriam sustentar a casa e como iriam viver com esse “inseto” repugnante.



Então a família passa a procurar formas de se sustentar, sem a ajuda de Gregor (que sempre foi quem sustentou todo mundo). A sua mãe, passou a fazer costuras para fora. O pai, volta a trabalhar mesmo depois de aposentado e estar doente. A sua irmã mais nova, que sempre foi muito protegida por Gregor, começa a trabalhar em uma loja. O fato deles terem que trabalhar e ele não fazer nada (apenas “viver” como um enorme inseto repugnante) faz com que a família fique revoltada com esse “absurdo”.

Como é muito frequente nos textos de Kafka ele joga com essa inversão de valores o que faz o leitor a ficar sempre se questionando, quem realmente é o “problemático”.  

Após muitos dias de reflexão essa estória toda me fez comparar com situações reais que são muito comuns no nosso dia a dia, que são em famílias onde o chefe da casa acaba ficando inválido por algum acidente por exemplo, ou ainda situações onde o chefe da família se torna idoso e com o processo do envelhecimento acaba desenvolvendo situações de demência e a família acaba o culpando e o julgando por sua falta de memória ou sua invalidez. Uma reflexão muito profunda, mas muito importante na nossa sociedade. Aliás, depois descobri que muitos leitores consideram esta metamorfose como uma metáfora para uma situação de doenças terminais. Onde situações como “ahh coitado a morte seria uma piedade!” onde gregor apesar de não conseguir se comunicar ele entende a família…



O livro é profundo e seu final é muito poético, bonito e chocante mesmo.
É um livro excelente, eu recomendo a todos.
Leiam, sem dúvida leiam!
Até mais!


08 dezembro 2015

TOP LANÇAMENTOS DA EDITORA DRACO

Fala pessoal, beleza?
Como vocês já sabem sou parceiro da Editora Draco J
E hoje eu vou falar rapidamente um pouco sbre os lançamentos da Editora Draco que mais me chamaram a atenção.




Segue a lista dos livros que mais me chamaram a atenção: